Um é de Lisboa e o outro do Alto Alentejo. Famílias pobres/modestas como a generalidade da população.

O meu pai é mais calmo e ponderado. A minha mãe mais impaciente.

Passatempo preferido do meu pai: Estar no café com os amigos.

Passatempo preferido da minha mãe: Falar da vida dos outros.

 

O meu pai adora as filhas e tem orgulho nelas a minha mãe adora a minha irmã e tem inveja das minhas coisas.

Não me sinto mal com a situação. Vou vivendo a minha vida ignorando esses estranhos comportamentos.

De resto só lhes tenho a agradecer aquilo que me deram. A educação que eu faço questão de dizer que fui eu que a apurei. Obriguei-me  a mim própria de adoptar determinados hábitos que em minha casa ninguém ligava.

O meu casamento, que foi lindo, a minha escolaridade e a liberdade que me deram em poder escolher o meu destino.

 

Hoje dão-me uma grande ajuda. Vão buscar o meu filho à escola, dão-lhe banho e já vem jantado.

Já é uma ajuda preciosa.

 

No entanto, esperava mais.

 

publicado por mudeidevida às 12:25